No último domingo (15), o ônibus da dupla Marcos & Belutti voltava de um show na cidade de Cáceres/MT e tombou na rodovia BR-070 levando a óbito o baixista Rafael Sales, de 31 anos, e deixando mais nove feridos. Não fiz nenhuma matéria sobre o assunto no blog, até porque gosto de pautar as matérias no blog sobre música e este tipo de assunto é bastante delicado tratar, mesmo envolvendo músicos. Pois bem, ainda assim, é inevitável não abordar o tema, nem que seja de uma forma diferente, sem fazer sensacionalismo.

Todos os profissionais que estão envolvidos na carreira “artística” convivem diariamente com a incerteza de não voltar para casa. Você entra num carro, em um ônibus ou no avião, e não sabe o que te espera, assim, como outra qualquer profissão na qual o profissional também utilize esses transportes e o perigo que eles oferecem, diariamente. Mas, como não estamos falando de outras profissões, e sim do meio artístico, até pelo o acontecimento já citado, vamos focar nesta situação.

Imagine você conviver mais de 25 anos com um profissional e, evidentemente, ter uma relação, que vai além dos palcos, tendo a possibilidade de cultuar uma afinidade que lhe dá o direito de chamar a pessoa de “amigo” – coisa rara no segmento artístico, mas, que ainda é possível. E, essa era a relação do músico Rafael Sales, não só com Marcos & Belutti e toda sua equipe, mas, com muitos outros artistas que o admiravam como músico, e principalmente, como ser humano.

O impacto da morte nos pega de surpresa independente da situação e do momento. Imagine então, voltando do trabalho, aparentemente sem nenhum “perigo”. Mas, não foi o que aconteceu no último domingo de manhã. O destino a gente não dribla. O que tiver que acontecer vai acontecer e pronto. Mas, vale uma reflexão para artistas e contratantes. Nossa vida é o nosso maior bem. Não existe dinheiro nenhum que pague essa condição intransferível presenteada por Deus. E, sempre que possível, precisamos cuidar desse direito.

Existem artistas que cometem loucuras. Chegam a fazer três shows no mesmo dia, indo de uma cidade para outra, enfrentando os desafios da estrada e os perigos que tudo isso pode causar. A logística muitas vezes é montada em cima dos valores financeiros que atendem o interesse de escritórios, artistas e contratantes. Claro, tudo isso, para gerar renda e empregos para toda a equipe envolvida. Mas, qual o valor da minha vida diante de tudo isso? Qual a minha qualidade de vida?

Já presenciei reuniões e discussões para a realização de shows entre contratantes e escritórios. Há contratantes que nem hotel oferece para o artista descansar. Ou seja, para não perder a oportunidade de trabalhar, o artista vai até a cidade, faz o show, termina a apresentação, e volta logo após. Muitos deles, nem ônibus têm e precisam alugar vans ou carros para voltar para casa, sem descansar.

Por isso, quando vejo alguns cantores dizendo que querem ou estão reduzindo a quantidade de shows para ter tempo para a família e assim uma condição mais digna e humana de vida, acho louvável. Até porque, do que adianta ter dinheiro e não ter a capacidade de desfrutar uma vida saudável ao lado daqueles que ficam assistindo sua partida, apenas com a esperança de lhe ver voltar?

Sou fã do trabalho da dupla Marcos & Belutti. Não só dos profissionais, mas, do caráter de cada um deles. Sei que não será fácil seguir, diante de tudo que aconteceu. Continuar levando alegria para o público, com o sorriso no rosto, mesmo segurando as lágrimas e a dor não será fácil. Mas, esse será o desafio. Contornar os obstáculos e seguir em frente. E, tenho certeza que vão conseguir.

A estrada que te leva ao trabalho (sucesso), também pode ser a mesma que pode lhe tirar a condição de conquistá-lo. É preciso respeitar nossos limites.

16 de junho de 2014

Carreira artística: Contornar as estradas da vida e o desafio de seguir em frente

No último domingo (15), o ônibus da dupla Marcos & Belutti voltava de um show na cidade de Cáceres/MT e tombou na rodovia BR-070 levando a […]
13 de junho de 2014

Grandes atrações marcam a 28° Festa do Peão Boiadeiro de Americana/SP

Nesta sexta-feira (13), será dada a largada para a 28ª Festa do Peão Boiadeiro da cidade de Americana/SP. Considerada um dos melhores eventos do gênero do […]
12 de junho de 2014

Especial: 30 músicas para você ouvir no “Dia dos Namorados”

Nesta quinta-feira (12), comemora “comercialmente” o dia dos namorados. Friso comercialmente, porque para os casais e corações apaixonados, o amor é celebrado todos os dias. Mas, […]
9 de junho de 2014

Liah & Leo divulgam nova música de trabalho e preparam clipe

“Para e pensa” é a nova canção de trabalho de Liah & Leo. O single faz parte do primeiro álbum da dupla que contou com a […]
9 de junho de 2014

João Marcelo & Juliano se apresentam durante o Festival de Diversidades Culturais de Anhumas/SP

Além da mais importante competição do futebol mundial, outro tradicional evento do interior paulista também terá sua largada nesta quinta-feira (12). O Festival de Diversidades Culturais […]
6 de junho de 2014

“Entrelinhas” nova música de trabalho de Alex Fava

Na última quinta-feira (05), Alex Fava lançou, no Youtube, a romântica canção “Entrelinhas”. O single é uma composição de Bruno Caliman, que também assina sucessos como […]
5 de junho de 2014

“Inverno ou primavera” de Maninho & Poconé ganha destaque nas rádios

De composição de Daniel Franco, a música “Inverno ou primavera” faz parte do primeiro CD da carreira de Maninho & Poconé, intitulado “Vou fazer um luau”. […]
4 de junho de 2014

Edson: “Quem respeita, sempre vai ser respeitado. Não existe artista eterno”

Educação, respeito e profissionalismo. São amabilidades que deveríamos encontrar em todas as circunstâncias de nossa vida. Porém, o que habitualmente nos deparamos, no dia a dia, […]
3 de junho de 2014

“Sabe de nada inocente” é a nova música de Léo Ferraz & Rafael

Léo Ferraz & Rafael tem menos de um ano de carreira. Mas, já gravaram músicas com artistas nacionalmente conhecidos como João Marcelo & Juliano e Thiago […]
2 de junho de 2014

Villa Baggage encara maratona de 14 shows em 13 dias neste mês de junho

O Villa Baggage irá realizar 21 shows neste mês de junho. Destes, 14 deles irão acontecer em um intervalo de apenas 13 dias. Além das apresentações, […]