Sertanejo Universitário: Relembre 15 músicas que marcaram uma geração

Popularizado entre os anos de 2005 e 2012, principalmente, o Sertanejo Universitário promoveu o surgimento de novos artistas, atraiu grandes investimentos, dividiu opiniões, conquistou uma geração e massificou o gênero de forma nacional e internacional. Desde o seu aparecimento, em meados de 2005, através alguns artistas como a dupla César Menotti & Fabiano, cantando a música “Como um anjo”, até a consolidação mundial do gênero, em 2012, com “Aí se eu te pego”, do cantor Michel Teló, listei 15 músicas que marcaram essa época.

Assim como todas as listas de músicas, clipes e artistas, sempre haverá discussões. Essa foi montada sem embasamento nenhum estatístico – mesmo porque, nessa época, não existia uma forma tão eficiente de monitoramento de audição como existe hoje no mercado musical -, apenas por acreditar que foram músicas que marcaram uma geração de acordo com o seu respectivo ano de lançamento e que ainda são muito tocadas nas principais baladas sertanejas. Vale ressaltar também que na lista não repeti artistas, cada um tem apenas uma música citada.

TOP 15:

César Menotti & Fabiano foram uma das grandes explosões do Sertanejo Universitário em 2005. “Como um anjo”, uma regravação de Zezé di Camargo & Luciano, foi o principal destaque do CD e DVD “Palavras de Amor – Ao Vivo”, gravado em Belo Horizonte/MG. O CD vendeu 300 mil cópias e o DVD mais de 160 mil cópias, conferindo à dupla o título de CD e DVD sertanejos mais vendidos do ano de 2006. César Menotti & Fabiano detém o recorde de público do Jaguariúna Rodeo Festival, em Jaguariúna/SP, quando 57 mil pessoas comparecem ao show da dupla, em 2007.

Como um anjo:

De forma independente, Victor & Leo gravaram e lançaram, em 2006, o CD “Victor & Leo Ao Vivo”. Este CD, sem gravadora, espalhou-se pelo o Brasil e estima-se que mais de dois milhões de cópias tenha sido pirateados entre os anos de 2006 e 2007. A faixa “Fada” era o principal destaque do álbum, assim como “Vida boa” e “Amigo apaixonado”. Em 2007, Victor & Leo foram contratados pela gravadora Sony BMG, que passou a distribuir originalmente o CD “Victor & Leo Ao Vivo”, relançando-o e apenas modificando a capa. Neste mesmo ano, a dupla consegue o feito de ter realizado shows em todos os 27 estados brasileiros.

Fada:

A música “Bala de prata”, de Fernando & Sorocaba, faz parte do CD e DVD “Bala de Prata – Ao Vivo” gravado, em 2008, às margens do Rio Bandeirantes do Norte, no município de Santa Fé, no Estado do Paraná. O álbum teve outras faixas de destaques como “Vem ficar do meu lado” e “Noite enluarada”. Na época, a dupla foi certificada pela ABPD (Associação Brasileira dos Produtores de Discos) com Disco de Ouro pelo DVD “Bala de Prata – Ao Vivo”, que vendeu mais de 50 mil cópias no Brasil.

Bala de prata:

Hugo Pena & Gabriel ficaram nacionalmente conhecidos graças ao sucesso da música “Mala pronta”. O segundo DVD da carreira da dupla, foi gravado, em 2008, em Maringá, no Estado do Paraná, sendo um dos primeiros DVD da geração do Sertanejo Universitário. O single teve tanto destaque, que fez parte da trilha sonora da novela “A Favorita”, da Rede Globo, em 2008. No álbum, também se destacaram “Morro de saudade”, “Parece castigo”, “Cigana”, “Fora do eixo” e “Robin Hood da paixão”.

Mala pronta:

Em 2009, João Bosco & Vinícius lançam o CD “Curtição”, que trouxe alguns sucessos como “Sufoco”, “Curtição” e “Coração só vê você”, que fez parte da trilha sonora da novela Paraíso, da Rede Globo, em 2009. Deste álbum, “Chora me liga” se tornou um grande sucesso nacional. Esse CD foi indicado ao Grammy Latino. De acordo com o ECAD (Escritório Central de Arrecadação e Distribuição), “Chora me liga”, foi a música nacional mais executada no ano de 2009.

Chora me liga:

Luan Santana é sem dúvida um dos artistas de maior destaque do atual sertanejo. Seu álbum de estreia, “Tô de Cara”, em 2009, vendeu mais de 50 mil cópias, sendo certificado com ouro pela ABPD (Associação Brasileira dos Produtores de Discos). Neste disco, “Tô de cara” e “Meteoro” foram os grandes destaques. “Meteoro”, aliás, foi a que teve maior repercussão, e poucos meses depois, conquistava milhares de acessos, no Youtube, sendo reconhecida como a música que o projetou nacionalmente.

Meteoro:

A dupla Jorge & Mateus já é considerada não apenas uma das maiores duplas do Sertanejo Universitário, mas, da história do gênero. Em 2010, eles lançaram o álbum “Aí já Era”, que recebeu triplo Disco de Diamante, pela venda de 900 mil CDs. Foi o primeiro álbum de estúdio de Jorge & Mateus. O disco marcou a carreira da dupla, com sucessos como “Amo noite e dia”, “Tempo ao tempo”, “Chove, chove”, a faixa título do disco “Aí já era”, e “Seu astral”, que foi uma das principais músicas tocadas nas rádios de todo o Brasil, além das principais casas de shows da música sertaneja.

Seu astral:

Em 2009, João Carreiro & Capataz gravaram o CD “Xique Bacanizado – Ao Vivo”. Neste álbum, a música “É pra caba”, se destacou e durante alguns anos foi o hino dos sertanejos nas principais festas do gênero pelo o país. No mesmo disco, também tiveram bastante evidência “Bruto, rústico e sistemático”, além de “Xique Bacanizado”, que fez parte da trilha sonora da novela Araguaia, da Rede Globo, em 2010.

É pra caba – João Carreiro & Capataz:

Em outubro de 2009, Guilherme & Santiago gravaram seu terceiro DVD ao vivo, na Red Eventos, em Jaguariúna, no interior do Estado de São Paulo. Intitulado “Tudo Tem Um Porquê” fez um sucesso estrondoso. A faixa de maior destaque do álbum, “E daí?”, ficou meses no topo das paradas de sucesso das rádios brasileiras, sendo uma das mais tocadas durante o ano de 2010. Destacaram também no disco, as faixas “Tá se achando”, “Que dá vontade dá”, “Solteiro sim, sozinho nunca”, “Mete sua boca”, “Safada, cachorra, bandida” e “Tudo tem um porquê”.

E daí?:

O cantor e compositor Gusttavo Lima já vinha numa ascensão quando lançou a música “Balada boa”, em 2011. A faixa está presente no seu segundo álbum ao vivo, “Gusttavo Lima e Você”, gravado em Patos de Minas, no interior do Estado de Minas Gerais, cidade em que ele foi criado. “Balada boa” se tornou o maior sucesso na carreira do cantor e tomou toda a Europa, sendo a música mais baixada no iTunes, em 2012, na Alemanha, Finlândia, Itália, Luxemburgo, Holanda e Espanha.

Balada boa:

“Ao vivo em Campo Grande Vol. 2”, lançado em 2012, foi o segundo álbum em CD e DVD da carreira de Munhoz & Mariano. Deste projeto, saiu o hit “Camaro amarelo” que levou o nome da dupla para todo o Brasil. Cerca de 90 mil pessoas prestigiaram a gravação do DVD que aconteceu no Parque das Nações Indígenas, em Campo Grande, no Estado do Mato Grosso do Sul. “Camaro amarelo” esteve entre as dez músicas mais buscadas no Google, em 2012.

Camaro amarelo:

Humberto & Ronaldo despontaram para o cenário musical com um grande trabalho, em 2011, O CD e DVD “Romance – Ao Vivo” foi o segundo disco da dupla. A música “Romance”, que teve a participação de Jorge & Mateus, foi uma das mais tocadas daquele ano nas rádios de todo o país. Além dela, também se destacaram “E deixe o tempo ver”, “Vendendo beijo”, e “Chega mais pra cá”, com a participação de Gusttavo Lima.

Romance:

João Neto & Frederico gravaram o CD e DVD “Ao Vivo em Palmas” em um show realizado na Praça dos Girassóis, em Palmas, no estado do Tocantins, em 2011. Deste projeto, saiu o hit Lê lê lê. A canção chegou a atingir a sexta posição da Billboard Brasil, e também fez parte da trilha sonora da novela Cheias de Charme, da Rede Globo, em 2012. Ela também foi sucesso em diversos países europeus como França, Inglaterra, Bélgica e Espanha. Deste projeto, também se destacou a música “Tá combinado”.

Lê lê lê:

“Eu quero tchu, eu quero tcha” é uma música de João Lucas & Marcelo, lançada em 2012. A faixa atingiu a 6ª posição na parada da Billboard Brasil Hot 100 Airplay e a 1ª das mais baixadas no iTunes Store Brasil, do mesmo ano. O clipe dela contou com a participação do jogador Neymar. A canção foi escolhida como trilha sonora da novela Avenida Brasil, da Rede Globo, em 2012. O sucesso da música foi tanto que ela teve o refrão cantada por Homer, no desenho The Simpsons, no episódio “O Espião que me ensinava”.

Eu quero tchu, eu quero tcha:

“Aí se eu te pego”, de Michel Teló, lançada em 2011, em seu segundo álbum ao vivo, intitulado “Na Balada”, é a música nacional de maior sucesso dos últimos anos. Além de ter alcançado o topo das paradas de sucesso no país, ela atravessou continentes e se tornou um hit mundial. O clipe dela tem centenas de milhões de acessos, no Youtube. A canção começou a ganhar repercussão internacional, quando o jogador Cristiano Ronaldo comemorou um de seus gols fazendo a coreografia da música. No início de 2012, o single já era hit internacional e levaria Michel Teló ao topo das paradas musicais em mais de 20 países na Europa e na América Latina.

Aí se eu te pego:

Diego Vivan
Diego Vivan
Assessor de Imprensa – Diego Vivan www.estrategicassessoria.com

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *